Arquivo da categoria: EDUCAÇÃO

Abertas as inscrições para o curso gratuito de primeiros socorros dos bombeiros | RP

  [ATUALIZADO 13:01: AS VAGAS JÁ ACABARAM

Estão abertas as inscrições para um curso de ‘PRIMEIROS SOCORROS – CAPACITAR PARA SALVAR’, do Corpo de Bombeiros. Serão 10 horas/aulas, sendo 5 horas teóricas e 5 horas práticas, a ser realizado no Quartel do Corpo de Bombeiros em Planaltina-GO. 
  Serão 100 vagas para pessoas acima de 15 anos, dividas em 03 turmas. As aulas da primeira turma será 16/08, segunda turma 17/08 e terceira turma 18/8, das 08:00 ás 18:00 horas, com certificado incluso.

  A inscrição é feita no site www.bombeiros.go.gov.br, no link MENU > DEFESA CIVIL > PROGRAMA CAPACITAR PARA SALVAR
·

Anúncio

Exame para certificar conclusão de ensino médio será realizado em outubro | RP

O Encceja (Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos) será realizado no dia 8 de outubro em todo o país. Neste ano, a prova também será usada pelos alunos para obter o certificado de conclusão do ensino médio. As inscrições começam dia 08 de agosto e vão até o dia 18 de agosto pelo site do INEP na internet para maiores de 18 anos que desejam fazer o exame do ensino médio e para 15 anos os que pretendem fazer o exame do ensino fundamental.

·

Anúncio

·

Até o ano passado, os estudantes com mais de 18 anos poderiam usar o desempenho no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) para receber o diploma do ensino médio. Agora, a certificação será feita exclusivamente pelo Encceja, que atualmente é aplicado no Brasil e no exterior para a certificação de conclusão do ensino fundamental.

A inscrição para o Encceja será gratuita e deverá ser feita entre os dias 8 e 18 de agosto. A prova, que será elaborada e aplicada pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), terá 30 questões de múltipla escolha, com quatro alternativas de resposta. O aluno deverá atingir pelo menos 50% de acertos em cada prova, e pelo menos 5 pontos na redação. O custo estimado do Encceja é de R$ 40 por aluno.

Segundo o Inep, o Encceja é o instrumento mais adequado para avaliar as pessoas que não tiveram oportunidade de concluir os estudos em idade apropriada. “O Enem, na sua estrutura, não é um exame para a certificação do ensino médio. Ele se caracteriza muito mais para o acesso ao ensino superior. O Encceja é preparado para fazer esse tipo de avaliação, das pessoas que não tiveram acesso na idade certa”, disse nesta segunda-feira (26) a presidente do Inep, Maria Inês Fini. Menos de 10% das pessoas que fazem o Enem com o objetivo de certificação conseguem o diploma do ensino médio, informou.

O Encceja pode ser feito por pessoas com pelo menos 15 anos, no caso da certificação do ensino fundamental, e 18 anos para a certificação do ensino médio. O Inep espera que 222 mil alunos do ensino fundamental participem da prova e 815 mil, do ensino médio. O exame também será aplicado para presos e para brasileiros que moram no exterior.

Avaliação de escolas
A partir deste ano, o Enem não será mais utilizado como avaliação das escolas. Agora, as escolas serão avaliadas pelo Saeb (Sistema de Avaliação da Educação Básica). A presidente do Inep, Maria Inês Fini, explicou que o Saeb faz uma avaliação mais ajustada das instituições de ensino médio.
“O desempenho dos alunos é um dado importantíssimo para compor a avaliação das escolas, mas não é o único. Dados contextuais são importantes para caracterizar melhor essa avaliação. Além disso, as provas que compõem esse sistema são bastante detalhadas naquilo que se diz oficialmente que deveria ter sido ensinado. Por isso, muito mais justiça na avaliação se pratica no Saeb”, afirmou.
A estimativa do Inep é que 114,8 mil escolas sejam avaliadas por meio do Saeb neste ano. Agora, todas as escolas públicas e privadas que ofereçam ensino médio serão avaliadas. Até o ano passado, a avaliação da etapa era feita por amostragem.
A adesão das escolas será feita entre 27 de junho e 14 de julho, em sistema on-line, disponibilizado no portal do Inep. A taxa de inscrição varia entre R$ 400 e R$ 4 mil, de acordo com o número de alunos. A aplicação dos testes e questionários em todas as escolas ocorrerá entre 23 de outubro e 3 de novembro. Os resultados devem ser divulgados em agosto do ano que vem.
Enem
O Inep também informou que, até o momento, 6,73 milhões de inscrições foram confirmadas para o Enem de 2017, que será realizado nos dias 5 e 12 de novembro. O número ainda pode aumentar, porque novas inscrições podem ser confirmadas por decisão judicial.
No ano passado, o Enem teve 8,6 milhões de pessoas inscritas. Para o Inep, a diferença pode ser explicada pelo número de estudantes que deixarão de fazer o exame este ano para obter a certificação do ensino médio.

IMAGEM/FONTE: internet

Professores da rede estadual em greve fazem carreata pelas ruas da cidade | RP

SINTEGO de Planaltina Goiás faz carreata de repúdio à PEC 3548 que está em andamento na Câmara Legislativa.O presidente do SINTEGO regional de Planaltina-GO alerta que a greve é consequente da falta de compromisso do Governador Marconi Pirilo de Goiás.

Veja as fotos do movimento;

IMAGENS: Jornal Correio dos Municípios
PARTICIPE DO NOSSO GRUPO DE NOTÍCIAS NO WHATSAPP, BASTA PEDIR PRA GENTE PELO NOSSO WHATSAPP: 61 99181 3142

Escola Municipal Cora Coralina atinge 5.9 no IDEB, a maior nota do município.

A equipe gestora juntamente com os docentes da Escola Municipal Cora Coralina após observar o índice de desenvolvimento que a escola vem alcançando no índice de Desenvolvimento na Educação Básica – IDEB e ao coletar dados fornecido pelo Instituno Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira – INESP, que apontam que o Índice de Desenvolbimento de Educação Básica – IDEB, elaborou o projeto de metas que contempla a capacitação de docentes da unidade.

O curso de capacitação para melhorar o índice do IDEB está sendo fornecido pela Escola Municipal Cora Coralina em parceria com a Secretaria Municipal de Educação – SME e aprovação do conselho municipal de educação e tem o intuito de buscar novas metodologias e estratégias para melhorar o processo ensino-aprendizagem e consequentemente alcançar o índice do IDEB.


 Este projeto visa capacitar professores, coordenador pedagógico e equipe gestora com o objetivo de aprimorar, reavaliar e construir formas inovadoras na sua prática docente diária, tornando as aulas mais lúdicas, dinâmicas e atraentes, dispertando o interesse dos alunos e oportunizando diferentes maneiras para alcançarem o conhecimento de forma plena e significativa. 


O curso será com aulas teóricas e práticas que oboraram os seguintes temas: “como conquistar seu aluno”; planejamento; “alinhamento construtivo”; a matemática no cotidiano; a língua portuguesa no cotidiano; “estratégias de aprendizagem”; oficina da leitura; “contar e recontar”; oficina de jogos matemáticos; “brincando se aprende”; ECA – Estatuto da Criança e do Adolescente (família x escola); a arte de contar histórias; “avaliação”; um olhar diferenciado no processo de aprendizagem; e releitura do PPP, Proposta Político pedagógica da unidade escolar.


O projeto tem como objetivo desenvolver o gosto pela boa leitura e estimular a criatividade dos alunos, além da integração e participação dos pais na vida escolar dos filhos, que participam do projeto fazendo a leitura de livros em casa, proporcionando assim um momento prazeroso como os filhos.


Imagens/texto: Divulgação-internet.