Arquivo da categoria: CLIMA

Sem previsão de chuva, Goiás segue com clima seco e temperaturas altas | RP

Apesar da chuva que caiu no começo da tarde desta sexta-feira (20) em Jataí e Rio Verde, em Goiás, o tempo para este final de semana segue seco e sem previsão de mais chuvas no Estado. É o que afirma Marna Mesquita, chefe de previsão do tempo do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) de Goiás. Segundo Marna, apesar de alguns sites de meteorologia terem apontado chuva para esses dias, dificilmente isso vai acontecer.

“Nos dias 5 e 16 deste mês, por exemplo, a umidade relativa do ar foi de apenas 8%. Na quinta-feira (19) foi de 10%. É uma porcentagem muito baixa, que indica a ausência de água na atmosfera, resultando em falta de chuva”, garante.

A chefe de previsão explica que a chuva tão comemorada pelos moradores da região sudoeste do Estado nesta sexta-feira foi causada por uma frente fria que está tentando chegar a Goiás, mas tem sido impedida pela massa de ar seco. “Se a umidade do Amazonas alinhar com a frente fria, a possibilidade de chuva aumenta”, afirma Marla.

Calor

A chefe do Inmet ainda conta que o município de Aragarças registrou uma das maiores temperaturas do Estado neste mês, com 41º nos dias 12 e 14. “Também no dia 14, a temperatura em São Miguel do Araguaia chegou a 42º e 40.8º em Porangatu. Goiás está há duas semanas com uma onde de calor. A média de temperatura para o mês de setembro no Estado está em 37º, sendo que o normal seria 33º”, conclui.

Com informações de: Mais Goiás


REDE PLAN aconteceu, virou notícia.


Anúncios

Goiás pode ter chuva ainda em setembro, diz Simehgo | RP

A alta temperatura e a baixa umidade podem estar com os dias contados em Goiás. De acordo com o Sistema de Meteorologia e Hidrologia do Estado de Goiás (Simehgo), é possível que o tempo refresque com uma chuva no dia 25 de setembro (quarta-feira). Já para o climatempo, a mesma possibilidade deve acontecer no dia seguinte, quinta-feira (26).

A previsão para essa semana é praticamente a mesma das últimas, temperatura entre 19ºC e 39ºC, sempre com sol, céu aberto e sem chuva. Destaque para sexta-feira (20), quando os termômetros devem chegar aos 40ºC.

Na próxima semana, deve vir o alívio. A previsão é de mínima de 17ºC e máxima de 39ºC, sendo as possibilidades de chuva nos dias 25, 26, 27, 28 e 30.

Perigo

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), emitiu nesta segunda-feira (16), um alerta de baixa umidade com grau de severidade classificado como “perigo”. A umidade relativa do ar está variano entre 20% e 12%. Há risco de incêndios florestais e à saúde. Ressecamento da pele, desconforto nos olhos, boca e nariz.

Instruções do Inmet para esses dias:
Beba bastante líquido.
Atividades físicas não são recomendadas.
Evite exposição ao sol nas horas mais quentes do dia.
Use hidratante para pele e umidifique o ambiente.
Obtenha mais informações junto à Defesa Civil (telefone 199) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193).

Com informações de: O Popular

REDE PLAN aconteceu, virou notícia.


Sexta-feira pode ser o dia mais quente do ano, com 35°C; umidade cai a 10% | RP

Está calor aí? Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), pode ficar ainda mais. A previsão é que esta sexta-feira seja o dia mais quente do ano, podendo chegar a 35ºC à tarde, entre 14h e 16h. A mínima foi de 17ºC pela manhã. O céu ficará entre claro a parcialmente nublado e com névoa seca.
O dia já começou com umidade bastante baixa, 45%. Mais tarde, a taxa por atingir, novamente, a casa dos 10%.
Já são 102 dias sem chuva, e de acordo com a meteorologista Nayane Araújo, não há sinais de precipitações, pelo menos, nos próximos sete dias. “A gente prevê uma pequena possibilidade para o fim do mês, entre os dias 26 e 27 de setembro, mas como ainda está longe, pode ser que tudo mude”, disse.
A previsão do Inmet para o fim de semana é semelhante a de hoje, com temperaturas altas e umidade baixa. No sábado (14/9), a máxima será 33ºC, a mínima 13ºC. A umidade fica entre 60% e 15%.


REDE PLAN aconteceu, virou notícia.


Planaltina terá máxima de 31ºC nesta quinta-feira e segue sem chance de chuva | RP

O planaltinense continua sofrendo com a seca nesta quinta-feira (22/8). A previsão é de que a máxima chegue aos 31ºC e a umidade relativa do ar fique em 40% durante a tarde.
O céu fica entre parcialmente nublado a claro, enquanto a mínima chega aos 17°. As temperaturas devem começar a cair na semana que vem, onde a temperatura mínima chegará aos 10°.
Essa névoa é visualmente semelhante a neblinas, mas é formada na condensação de vapor d’água com a poeira, fumaça e outros poluentes. O tempo se mantém o mesmo para os próximos dias, com poucas alterações.

REDE PLAN aconteceu, virou notícia.


Umidade do ar deve chegar a 25% nesta segunda-feira em Planaltina-GO | RP

A semana em Planaltina Goiás começou quente e seca. A previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) é de um céu claro a parcialmente nublado, com névoa seca. As taxas de umidade variam entre 70% e 25%.

O clima também tende a esquentar. A mínima, de 16°C, foi registrada no início da manhã, enquanto a máxima pode chegar a 30°C, durante a tarde. As temperaturas devem se manter altas durante toda a semana.

TEMPO SECO E CALOR

Os principais sinais visíveis causados por essa condição na saúde humana são: ressecamento da pele, desconforto nos olhos, boca e nariz.

Para tentar minimizar os efeitos do tempo seco, especialistas recomendam beber bastante líquido, evitar exposição ao sol nas horas mais quentes do dia, usar umidificadores de ar e evitar bebidas diuréticas, como café e álcool.

Em relação ao ambiente, recomenda-se colocar toalhas molhadas, recipientes com água ou vaporizadores nos cômodos, principalmente nos quartos; Evitar aglomerações e a permanência prolongada em ambientes fechados ou com ar condicionado, pois o ressecamento das mucosas aumenta o risco de infecções; Manter a casa sempre limpa e arejada, pois o tempo seco aumenta a concentração de ácaros, fungos e da poeira em móveis cortinas e carpetes; E não usar vassouras que levantam o pó por onde passam.


REDE PLAN aconteceu, virou notícia.


Planaltina e 44 cidades em Goiás correm risco de ficar sem água durante a seca deste ano | RP

Em relatório enviado ao Ministério Público de Goiás (MP-GO), a Saneago informou que 45 cidades e um distrito de Goiás correm o risco de desabastecimento em 2019 durante o período de estiagem. O MP-GO divulgou o conteúdo do documento nesta segunda-feira (3). Em 2018, o número de cidades que corria o mesmo risco era maior: 67.

Conforme a notificação, o município que deve ser mais afetado é Aparecida de Goiânia, que encontrará dificuldades em seis sistemas de abastecimento (Independente Tiradentes, Independência Mansões, Madre Germana, Lages, João Leite e Meia Ponte). No local, a estatal afirmou que tem investido em campanhas educativas, no combate e redução de perdas, manutenção em limpeza de poços tubulares profundos e perfuração e, também, na Interligação de poços tubulares profundos para reforçar os sistemas, o que ainda está em andamento.

Ainda segundo a planilha, a região Metropolitana de Goiânia será a área mais afetada do Estado. Além de Aparecida, outras oito cidades constam no relatório. O entorno do Distrito Federal também deve sofrer mais com as consequências. Na região, sete cidades correm risco de desabastecimento.

A Saneago relatou no documento solicitado pelo MP-GO que, “visando minimizar os efeitos da escassez hídrica, tem desenvolvido ações contínuas”. Na planilha apresentada, a empresa ainda indicou o que tem realizado em cada município.

Decreto de Alerta Hídrico

Vale lembrar que há pouco mais de um mês, no dia 30 de abril, o governador de Goiás Ronaldo Caiado (DEM) assinou o decreto de Alerta Hídrico em função da redução do volume de chuvas e queda gradativa da vazão do Rio Meia Ponte ao longo dos anos. A medida tem como objetivo dar mecanismos para gerir uma possível crise hídrica e evitar o desabastecimento de água durante o período de estiagem, que se inicia em maio e segue até o início de outubro.

O documento determina uma série de ações a serem executadas pela Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) e Saneago. Entre as principais medidas estão a de recuperar nascentes, o reforço de instalação e monitoramento de hidrômetros e a elaboração de estudo para definir uma nova fonte de captação para a região metropolitana de Goiânia.

O decreto deste ano, diferentemente do que ocorreu no ano passado, não terá foco na fiscalização. Como informou Caiado na época, as medidas buscam o diálogo com o produtor “ao invés de fazer aquele trabalho punitivo de chegar lá e trancar máquinas”. Caiado criticou ainda o que ele chamou de “ação policialesca de fechar motores de captação de água”.

O projeto apresentado pela Saneago naquele período previa a recuperação de 84 nascentes e 276 trechos de mata ciliar nas áreas de preservação permanente na bacia hidrográfica do Rio Meia Ponte.

Veja as cidades que devem sofrer com desabastecimento durante o período de estiagem:

Região Metropolitana de Goiânia

Goiânia

Aparecida de Goiânia

Abadia de Goiás

Aragoiânia

Bela Vista de Goiás

Goianira

Guapó

Nerópolis

Trindade

Entorno do Distrito Federal:

Cidade Ocidental

Cristalina

Luziânia

Novo Gama

Valparaíso de Goiás

Formosa

Planaltina

Interior:

Alto Paraíso

Corumbaíba

Crixás

Mozarlândia

São Luiz de Montes Belos

Araguapaz

Bom Araguapaz Jardim

Carlândia – Distrito De Indiara

Cocalzinho de Goiás

Guarinos

Goiás

Hidrolina

Mata Azul

Montividiu Do Norte

Mundo Novo

Nova Crixás

Novo Brasil

Petrolina De Goiás

Pirenópolis

Sanclerlândia

Santa Isabel

São Luiz Do Norte

Souzalândia

Turvelândia

Uruana

Indiara

Mairipotaba

Morroagudo

Pontalina

Rio Verde


REDE PLAN aconteceu, virou notícia.


DIA DA ÁGUA: Prefeitura promove tenda de Educação Ambiental na Praça central hoje | RP

Será realizado hoje (22 – Dia Mundial da Água), um evento na praça central, de conscientização “Educação Ambiental na Praça”.

Terá doação de mudas pelo movimento “Planaltina Verde”, além de palestras sobre o uso racional da água e da importância da água, do Meio Ambiente e da reciclagem. O evento começa à partir das 15h, e todos estão convidados. O evento é realizado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

+

E a noite tem mais eventos na praça central! terá forró, sertenejo e apresentação de grupo de quadrilha junina à partir das 19h.
Lampião Elétrico e banda trazendo o forró pé de serra e também tem sertanejo com João Pedro Caetano. Aproveite!
PLANALTINA 128 ANOS.


REDEPLAN aconteceu, virou notícia.


I Plantio global acontece nesse domingo em Planaltina-GO – Venha plantar uma árvore! | RP

Será nesse próximo domingo (17), na quadra 2 norte de Planaltina Goiás o evento que esta acontecendo em várias partes do mundo.

Os plantios das mudas de árvores ocorrerão no canteiro central da quadra 2 norte, em dois pontos: entre as MRs 07/08/09 e começam à partir das 8:30h e vai até às 13h.

É importante levar:

• Lanche/Líquido;
• Luvas;
• Ir de camisa e calça cumprida;
• Usar chapéu ou boné.

O voluntário é livre para levar sua própria ferramenta:

• Enxada;
• Pá;
• Cavador

Domigo será o dia em que várias pessoas ao redor do mundo e em mais de 60 cidades no Brasil irão se unir em prol do meio ambiente.

Participe!
O evento é realizado pelo “Movimento Planaltina Verde” e tem apoio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Planaltina Goiás.

+

“Por aqui já está tudo pronto, só esperando você chegar pra gente plantar!
Essas sementes serão plantadas ao final, no que chamamos de bomba de sementes, onde o objetivo é a proteção da muda de interesse, auxiliando e nutrindo para que ela se adapte ao novo local e cresça, até que essas menores sejam substituídas gradualmente.
Aqui temos o as fabaceae, que irão auxiliar na fixação de nitrogênio no solo, assim as mudas irão se desenvolver melhor; temos girassóis, que irão compor paisagens ornamentais nos berçários, milho, que irá atrair animais predadores e criar um ambiente favorável para os insetos urbanos e o cajuzinho do cerrado, arbusto frutífero que corre o risco de ser extinto em áreas onde ocorrem, espécie que não é plantada na cidade, onde ainda não temos a cultura de cultivar frutíferas nas ruas.”


REDEPLAN aconteceu, virou notícia.


O registro de um ‘quase tornado’ em Planaltina Goiás assusta moradores | RP

O registro foi feito nesta segunda-feira (04) na rodovia que liga Planaltina Goiás à Formosa. Essa não é a primeira vez que o fenômeno acontece no céu da cidade; em 2015 o fenômeno ocorreu bem próximo das casas, já na cidade, porém o funil também não tocou o solo.

Veja o flagra também registrado dentro de um clube às margens da Lagoa Formosa ontem:

O fenômeno tem uma explicação: A nuvem funil é formada pela grande instabilidade, pela elevação da temperatura e pela umidade. Pode ser causada também quando várias nuvens de uma tempestade se alinham.
Se uma nuvem funil toca o solo, torna-se um tornado. A maioria dos tornados começam como uma nuvem funil, mas muitas nuvens funil não fazem contato com o solo, e por isso não se tornam tornados.

Existe também o funil de ar frio, que, ao contrário do fenômeno associado a tempestades severas, é geralmente associado a um céu parcialmente nublado, na esteira de frentes frias.

VEJA O REGISTRO DO ‘QUASE TORNADO’


REDEPLAN aconteceu, virou notícia.