Todos os posts de Rede Plan

Rede Plan é o maior portal de notícias de Planaltina Goiás. Criada em Agosto de 2012, a Rede Plan possui milhares de leitores, que nos tem como referência quando se trata de notícias com credibilidade e imparcialismo. Nossa equipe está sempre de olho em tudo oque acontece, pra você ficar sabendo de todos os detalhes. Seja na internet ou na rádio, você estará sempre conectado conosco.

Voluntários orientam e organizam filas em agências bancárias de Planaltina-GO | RP

A Prefeitura de Planaltina Goiás organizou um mutirão de tarefas solidárias para ajudar no combate ao coronavírus na cidade.

Em um vídeo divulgado na página da prefeitura no Facebook, o Secretário municipal de Segurança, Coronel Charles, ressalta o trabalho que o município vem fazendo para combater o novo coronavírus, como a triagem na saída da cidade e a triagem de passageiros do transporte coletivo, e agora com os voluntários que orientam as pessoas a manterem o distanciamento mínimo de 1 metro uma das outras nas filas, como também os cuidados ao utilizar os caixas eletrônicos, usados diariamente por centenas de pessoas.

Planaltina Goiás não tem nenhum caso de coronavírus.

(Imagem: divulgação/prefeitura)

REDE PLAN • O seu canal de notícias.


Papuda tem 12 servidores e um preso contaminados pelo novo coronavírus | RP

Sindicato diz que contágio por coronavírus ameaça parar Papuda. Entidade teme que descontrole da doença nos presídios superlotados do DF pressione o sistema de saúde pública da capital do país

Com a confirmação de 12 servidores e um preso contaminados pelo novo coronavírus, o Sindicato dos Policiais Penais do Distrito Federal (Sindpen-DF) fez um alerta: o sistema prisional pode parar caso a pandemia de Covid-19 se alastre nos presídios.

O presidente da entidade, Paulo Rogério, ressalta que do total de 1,6 mil policiais penais na ativa, 200 estão afastados exercendo a função de teletrabalho por integrarem grupos de risco. Sobraram 1,2 mil para tomar conta de quase 18 mil detentos.

Diante da já problemática superlotação e o antigo déficit de profissionais, ele faz uma conta assustadora para chamar a atenção das autoridades sobre o problema:

“Pela legislação, para cada detento que precisa ser deslocado ao hospital, três policiais penais devem escoltá-lo. Se o surto se instala no sistema prisional, podemos chegar a um momento em que se tivermos 100 apenados precisando de assistência médica, teremos de mobilizar 300 servidores. Isso sem contar os policiais penais que estão ficando doentes. Sozinho, o sistema prisional é capaz de colapsar o sistema de saúde”, previu.

Higiene

Ele ainda reclama da pouca disponibilidade de álcool em gel e equipamentos de proteção ou de higiene no Sistema Prisional do DF. “Se o coronavírus se espalha lá dentro, vai colapsar o sistema de saúde do DF”, analisou o presidente da entidade representativa.

O presidente do Conselho de Direitos Humanos do Distrito Federal, Michel Platini, endossa a posição. Ele acredita na possibilidade de desastre, tendo em vista a superlotação dos presídios no DF. “Hoje, o número de policiais penais já é inferior ao necessário. Com os policiais doentes em casa, os que estão em teletrabalho e os que farão escoltas, quem vai fazer a proteção e organização nos presídios?”, argumentou.

Contaminação

No CDP, há um preso com contaminação confirmada e isolado. Há ainda outros que se enquadram no grupo de risco, como idosos e pessoas com deficiência. Eles ficam detidos no Bloco 5. Os cinco servidores que foram diagnosticados primeiramente estão lotados no Centro de Internamento e Reeducação (CIR). Os demais atuam nas penitenciárias do Distrito Federal I e II (PDF I e PDF II) e no Centro de Detenção Provisória (CDP), que é destinado à custódia de detentos presos provisoriamente.

Entre os cinco contaminados do CIR, três são da mesma equipe de plantão. A unidade abriga cerca de dois mil detentos, incluindo os que estão no semiaberto, mas sem benefício ao trabalho.

A determinação da Subsecretaria do Sistema Penitenciário (Sesipe), órgão da Secretaria de Segurança Pública, é de que todos os infectados deixassem os postos de trabalho e se isolassem em casa.

Primeiros testes

A Sesipe informou que os três primeiros resultados positivos foram recebidos na quinta-feira (02/04), na sexta (03/04) e nessa segunda-feira (06/04). De acordo com o órgão, a orientação da Secretaria de Saúde (SES) é testar somente quem apresentar sintomas da Covid-19.

“Quando algum servidor do sistema prisional está sintomático, a Gerência de Saúde Prisional o encaminha, imediatamente para a rede pública de saúde para realizar o teste. Na sequência, o servidor é direcionado para o isolamento em casa até o resultado do exame”, assinalou a Sesipe por meio de nota. (De: Metrópoles)


REDE PLAN • O seu canal de notícias.


Live de Bruno e Marrone hoje: Veja horário e como assistir | RP

Bruno e Marrone farão nesta quinta-feira (09) uma live especial de quarentena no Youtube, seguindo a tendência de cantores de todos os gêneros ao redor do mundo. Confira os detalhes:

Data: 09/04 (quinta-feira), às 21h
Plataforma: Canal oficial de Bruno e Marrone no Youtube

Os fãs poderão sugerir as músicas do show online através das redes sociais. Segundo a dupla sertaneja, a renda obtida com a live será doada para instituições de caridade.


REDE PLAN • O seu canal de notícias.


Coronavírus: Em 24 horas Brasil tem 141 mortes e 1.930 casos confirmados | RP

O Ministério da Saúde anunciou hoje que subiu para 941 o número de mortes pelo novo coronavírus no Brasil — 141 óbitos confirmados nas últimas 24 horas. Até ontem, eram 800 mortes.

No total, são 17.857 casos oficiais no país até agora — aumento de 1.930 diagnósticos em um único dia —, segundo o Ministério.

A taxa de letalidade — que compara os casos já confirmados no Brasil com a incidência de mortes — é de 5,3%. O Ministério da Saúde ainda não divulga dados oficiais sobre o número de pessoas que se curaram da covid-19.


REDE PLAN • O seu canal de notícias.


Goiás tem 179 pessoas com coronavírus; são 99 homens e 80 mulheres | RP

Goiás tem 179 casos confirmados de coronavírus, sendo 102 deles em Goiânia. Os dados atualizados foram divulgados nesta quinta-feira (9/4), pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-GO). Do total de casos, sete mortes já foram confirmadas. Há 3.294 casos suspeitos em investigação. Outros 1.489 já foram descartados.

Os casos confirmados foram registrados em 29 cidades de Goiás. Quatro casos aguardam atualização da ficha para definir a cidade de residência. Conforme o boletim, dos casos confirmados, 99 pacientes são homens e 80 são mulheres. Em Goiânia, são 62 homens com coronavírus e 42 mulheres.

Veja a lista de municípios:

  • Águas Lindas de Goiás (1)
  • Anápolis (12)
  • Anhanguera (1)
  • Aparecida de Goiânia (1)
  • Bela Vista de Goiás (1)
  • Bom Jesus de Goiás (1)
  • Campestre (1)
  • Catalão (1)
  • Cidade Ocidental (2)
  • Goiandira (1)*
  • Goianésia (8)
  • Goiânia (102)*
  • Goiatuba (1)
  • Guapó (1)
  • Itumbiara (3)
  • Jataí (4)
  • Luziânia (6)*
  • Montividiu (1)
  • Nova Glória (1)
  • Nova Veneza (1)
  • Paranaiguara (1)
  • Pires do Rio (1)*
  • Rio Verde (10)
  • São Luís dos Montes Belos (2)
  • Senador Canedo (1)
  • Silvânia (1)
  • Trindade (2)
  • Valparaíso de Goiás (6)
  • Vianópolis (1)

Mortes por coronavírus ocorreram em 4 cidades de Goiás

De todos os casos confirmados, 10 pacientes estão internados. Destes, 3 estão em unidades públicas da rede estadual e 7 na rede privada. Há ainda 53 casos suspeitos e em investigação que encontram-se internados; destes, 33 estão na rede pública e 20 na rede privada. (De: Dia Online)


REDE PLAN • O seu canal de notícias.


Governo anuncia pagamento de R$ 150 a 91 mil alunos da rede estadual | RP

Cerca de 91 mil alunos da rede estadual de ensino receberam, nesta quarta-feira (8), R$ 150 referente ao auxílio alimentação instituído pelo Governo Estadual devido a suspensão das aulas presenciais por causa da pandemia do novo coronavírus. Benefício é destinado a alunos de famílias inscritas no Cadastro Único (CadÚnico).

O anúncio do pagamento foi feito pelo governador Ronaldo Caiado (DEM) durante live nas redes sociais e na cadeia de rádios da Agência Brasil Central. O primeiro valor que já depositado na conta do responsável pelo estudante é referente a 30 dias, entre 18 de março a 18 de abril. O recebimento da verba é condicionante à regularidade escolar.

Durante a transmissão ao vivo, o democrata explicou que, como houve a suspensão das aulas, que vai durar pelo menos até o final de abril, muitas crianças e adolescentes deixaram de receber alimentação adequada, oferecida nas unidades de ensino. Recurso para o pagamento do auxílio vem do Tesouro Estadual.

Segundo ele, caso haja mais de um estudante residente na mesma casa, todos irão receber o benefício. “Uma família que tem dois alunos na rede estadual vai receber R$ 300. Se tiver três, R$ 450. Esse dinheiro está sendo repassado para alimentar seus filhos corretamente. Por favor, é exclusivamente para isso, para que possam melhorar a alimentação”, pediu.

Auxílio

O benefício foi instituído pelo Decreto nº 9.643, que criou o programa de alimentação escolar da rede pública de ensino durante o período de enfrentamento à covid-19. Ficou estabelecido o aporte de R$ 75 aos alunos, referente aos primeiros 15 dias de suspensão das aulas.

Diante da prorrogação da suspensão até 30 de abril, como anunciado na última sexta-feira (3/4), o Governo de Goiás depositou outros R$ 75,00 para os próximos 15 dias. O pagamento será realizado nos cartões Bolsa Família, Renda Cidadã ou Cartão Cidadão. A lista completa com os beneficiados está disponível no site da Secretaria de Educação. (Fonte: Mais Goiás)


REDE PLAN • O seu canal de notícias.


Caixa informa que já pagou cerca de R$ 1,5 bi em auxílios emergenciais | RP

A Caixa já pagou cerca de R$ 1,5 bilhão em auxílios emergenciais a trabalhadores nesta quinta-feira, 9, segundo informações do banco. A Dataprev identificou 5,7 milhões de beneficiários entre pessoas registradas no CadÚnico, e quem tem conta na Caixa ou no Banco do Brasil receberá ainda hoje os R$ 600 do auxílio.

Segundo informações do banco, o benefício já foi creditado na conta poupança de 2.150.497 clientes da Caixa, e outros 436.078 lançamentos serão realizados pelo Banco do Brasil ainda nesta quinta.

Os primeiros pagamentos contemplam brasileiros que já estavam registrados no Cadastro Único de programas sociais, mas não recebem Bolsa Família. Esses trabalhadores, já “conhecidos” do governo, tiveram sua análise de renda e perfil processada automaticamente pela Dataprev.

Os primeiros repasses estão sendo feitos para quem já tinha conta na Caixa ou no Banco do Brasil. Clientes de outros bancos ou quem não possui nenhuma conta receberão numa poupança digital da Caixa.

A Caixa abrirá automaticamente a poupança digital para 3.113.356 brasileiros considerados aptos a receber o auxílio emergencial e fará o crédito nestas contas na próxima terça-feira, 14.

Nessa modalidade, será possível transferir o dinheiro gratuitamente para outra conta ou fazer pagamentos. Ainda não será possível fazer saques em espécie, para isso a Caixa ainda vai divulgar um cronograma.

“A Caixa esclarece que não é necessário corrida às agências ou casas lotéricas para ter acesso aos recursos do auxílio emergencial”, diz o banco.


REDE PLAN • O seu canal de notícias.


Homem se veste de ‘morte’ e pede para idosos ficarem em casa | RP

Para ser didático e passar uma mensagem educativa vale usar a imaginação. Pensando assim, um homem se vestiu de ‘morte’ e foi para as ruas da cidade de Mirandópolis, no interior de São Paulo, pedir para os idosos ficarem em casa por causa da pandemia do novo coronavírus.
A cena curiosa chamou a atenção de dezenas de pessoas. Claro, viralizou nas redes sociais! Vídeos do ‘homem da morte’, com uma foice de plástico, orientando os idosos a saírem das ruas, fizeram um sucesso entre os internautas.
O autor da ação não teve a identidade divulgada. As pessoas com mais de 60 anos abordadas por ele entenderam o recado e muitas se dispuseram a obedecer a orientação de não sair de casa. Mas, outros, acreditam que uma ‘voltinha’ não fará mal algum.
Mirandópolis tem 11 casos suspeitos da covi-19 e uma morte sendo investigada, justamente de um senhor de 66 anos.


REDEPLAN • O seu canal de notícias.


Governo publica isenção de conta de luz para consumidor pobre | RP

A população pobre, com consumo mensal de energia elétrica inferior ou igual a 220 quilowatts-hora (kWh), está isenta de pagar a conta de luz, no período de 1º de abril a 30 de junho deste ano. É o que determina a MP (Medida Provisória) nº 950, de 8 de abril de 2020, publicada em edição extra do Diário Oficial da União, dessa quarta-feira (8).

Para isso, fica a União autorizada a destinar recursos para a CDE (Conta de Desenvolvimento Energético), limitado a R$ 900 milhões, a fim de cobrir os descontos relativos à tarifa de fornecimento de energia elétrica dos consumidores finais, incluídos na Tarifa Social.

Assim, o “governo soluciona as duas questões mais urgentes identificadas pelas equipes do Ministério de Minas e Energia e do Ministério da Economia: a perda da capacidade de pagamento dos consumidores de baixa renda, beneficiários da tarifa social, e a perda da capacidade financeira das distribuidoras de energia elétrica, com o aumento da inadimplência e a redução do consumo de energia”, informa o ministério.

A medida decorre das ações temporárias emergenciais destinadas ao setor elétrico para enfrentamento do estado de calamidade pública reconhecido pelo Decreto Legislativo nº 6, de 20 de março de 2020, e da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente da pandemia de coronavírus (covid-19).

A decisão do governo federal de isentar a tarifa de energia elétrica dos consumidores de baixa renda foi uma das medidas anunciadas pelo presidente Jair Bolsonaro, durante pronunciamento em rede nacional de rádio e televisão, na noite de quarta.

A medida foi tomada para tentar conter os efeitos econômicos da crise do coronavírus no país. Para se tornar lei, normalmente, uma MP tem o prazo de 120 dias para ser aprovada pelo Congresso Nacional, mas, devido ao coronavírus, o prazo foi reduzido para 16 dias contados a partir da publicação do texto no DOU.

No dia 25 de março deste ano, a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) proibiu o corte de luz em residencias com contas atrasadas. No entanto, a companhia orienta que os consumidores não deixem de pagar as faturas mensais. (De: Portal R7)


REDE PLAN • O seu canal de notícias.