Assaltos e estupros na Brasilinha 17; insegurança e iluminação precária | Rede Plan

A insegurança se impreguinou na Brasilinha 17, bairro onde não há iluminação e segurança pública decente. Há relatos de assaltos seguidos de estupro, como aconteceu com a irmã de Alane, ela conta que a irmã chegava do trabalho com outras mulheres que preferem andar juntas justamente por medo, isso era por volta das 20:00, mas a irmã de Alane teve que pegar um único caminho sem iluminação para chegar até sua casa, e ela conta que não há outra alternativa a não ser enfrentar a escuridão sem saber oque pode ter no meio dele. A irmã de Alane foi abordada por um homem com um facão e o terror aconteceu ali. 

Além de falta de iluminação e segurança, os ônibus não entram no bairro por temerem assaltos, e isso só prejudica os moradores e causa mais medo e terror nas mulheres que temem serem assaltadas ou estupradas. O Presidente da associação dos moradores, José Carlos, conta que já foi atrás da solução, mas a empresa de ônibus disse em nota que só colocará linhas operando dentro do bairro quando houver segurança, oque parece estar longe de acontecer.


Na reportagem dos nossos parceiros do Programa Mete Bronca da TV Criativa Brasil, foi filmado os postes de iluminação pública que deveriam haver lâmpadas, mas não tem, e as que tem são fracas de mais, oque não resolve muita coisa.


VEJA O VÍDEO:   


PARTICIPE DO NOSSO GRUPO DE NOTÍCIAS NO WHATSAPP: clique aqui

Anúncios