30 policiais militares de Goiás foram convocados para reforçar efetivo em Brasília | RP

Na manhã desta quarta-feira (11) trinta policiais militares do Estado de Goiás se apresentaram ao comando da Força Nacional de Segurança Pública (FNSP) e ficaram a disposição até o dia 31 de janeiro, quando se encerra a intervenção pedida pelo presidente Lula após as manifestações do dia 8 de janeiro na Praça dos Três Poderes.

O envio do efetivo militar atende à portaria 274, publicada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública no último dia 9. Ronaldo Caiado autorizou de forma imediata o envio de apoio feito pelo governo federal.

As atividades que os trinta policiais de Goiás vão desempenhar serão definidas pelo comando da Força Nacional. As patentes e os batalhões de onde os militares que irão para Brasília atuam não foram divulgados por motivo de segurança.

“Tem havido uma parceria completa na defesa da democracia. É uma discussão suprapartidária. Quando recebi o telefonema do ministro [Alexandre Padilha, Relações Institucionais] solicitando apoio do Governo de Goiás, imediatamente nossas forças foram colocadas de prontidão”, afirmou o governador.”

Rodovias

Além do efetivo que dará apoio em Brasília, aqui no Estado há uma preocupação com as rodovias para evitar novos bloqueios por causa de protestos como os que aconteceram dias depois do resultado das eleições em outubro do ano passado. Para isso a Secretaria de Segurança Pública com apoio da Polícia Federal (PF) e Polícia Rodoviária Federal (PRF)segue fazendo o monitoramento das estradas que dão acesso ao Distrito Federal.

“Tivemos informação de que poderia haver bloqueio na divisa entre Goiás e Minas Gerais, na cidade de Itumbiara; no trajeto entre as cidades de Anápolis e Brasília; e em um terceiro ponto. Mas até o momento nós não tivemos nenhuma confirmação e está tudo fluindo normalmente. Nós não temos bloqueio em nenhuma rodovia do estado de Goiás e todos os acampamentos foram desativados”, complementou o governador Caiado.

De acordo com Polícia Civil (PC) seis ônibus que levariam pessoas para Brasília no último domingo foram apreendidos. Esses veículos retornam na tarde desta quarta-feira (11) em comboio e vão ficar no depósito da Receita Federal, em Goiânia.

Ainda de acordo com a PC os autos de apreensão serão lavrados e vão ser ouvidos os motoristas e proprietários identificados dos veículos, seguindo as orientação da decisão judicial do Supremo Tribunal Federal (STF). (Com informações de O Popular)

#REDEPLAN •| Aconteceu, virou notícia!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s