OAB apura advogada que supostamente defende vítima e agressor ao mesmo tempo, em Goiás | RP

A Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Goiás (OAB-GO) está apurando o caso de uma advogada que é, supostamente, responsável por representar uma vítima de violência doméstica e defender o agressor dela, ao mesmo tempo. A mulher, 28, precisou cortar os próprios pulsos para que fosse hospitalizada e, assim, escapasse de agressões constantes e do cárcere privado imposto pelo próprio marido.

Segundo a OAB, se a relação dúbia da advogada for confirmada, poderá abrir um procedimento ético disciplinar contra a profissional. “O advogado(a) do investigado por um crime não pode representar, ao mesmo tempo, a vítima desse delito, pois tal conduta caracterizaria, em tese, violação do sigilo profissional e patrocínio infiel.”, explicou a nota da OAB.

Se feriu para viver
Após ser vítima de inúmeros episódios de violência, a mulher decidiu se ferir no dia 3 de janeiro. Assim, foi levada ao hospital pelo próprio agressor e conseguiu denunciar que era vítima de agressões constantes.

A Polícia Militar foi acionada e o marido, Ariston Alves Meira Filho, de 56 anos, foi preso em flagrante. Segundo a PM ele invadiu o hospital, removeu a mulher da internação a força antes de resistir à prisão e ser dominado.

Porém, apesar disso, foi solto após audiência de custódia, que decretou medidas protetivas para a vítima. A mulher, acompanhada pela advogada do marido, retirou a queixa e ainda pediu a extinção das medidas protetivas.

Procurada, a advogada Naama Cabral não retornou os contatos. O espaço está aberto para que ela se manifeste. (Reportagem: Mais Goiás)

#REDEPLAN •| Aconteceu, virou notícia!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s