Caiado entrou com ação no STF para não ser convocado pela CPI da Covid | RP



O Governador do estado de Goiás faz parte do grupo dos 17 Governadores que entraram com ação no Supremo Tribunal Federal para não serem convocados na CPI COVID-19.

O governador Ronaldo Caiado não quer prestar esclarecimento sobre o que ele fez com os bilhões de reais que o governo federal mandou para o estado durante a pandemia da Covid-19.

Caiado ingressou na justiça para não pagar a dívida do estado com a união.

VEJA OS NOMES DOS GOVERNADORES QUE ENTRARAM COM A AÇÃO NO STF:

Assinam a ADPF os governadores dos seguintes estados:


Alagoas, Renan Filho (MDB);
Amazonas, Wilson Lima (PSC);
Amapá, Waldez Góes (PDT);
Bahia, Rui Costa (PT);
Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB);
Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB);
Goiás, Ronaldo Caiado (DEM);
Maranhão, Flávio Dino (PCdoB);
Pará, Helder Barbalho (MDB);
Pernambuco, Paulo Câmara (PSB);
Piauí, Wellington Dias (PT);
Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PSC);
Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB);
Rondônia, Coronel Marcos Rocha (sem partido);
Santa Catarina, Carlos Moisés (PSL);
São Paulo, João Doria (PSDB);
Sergipe, Belivaldo Chagas (PSD);
Tocantins, Mauro Carlesse (PSL).

#redeplan • Aconteceu, virou notícia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s